4.4.12

eu te amo

Eu te amo quando não preciso mais dizer te amo.
Eu te amo quando reconheço teu Direito de Fazer Escolhas.
Eu te amo quando respeito tua própria liberdade tanto quanto a minha.
Eu te amo quando compreendo tua vontade de às vezes ficar só.
Eu te amo quando não te sufoco com chiliques ou pressões.
Eu te amo quando ponho afeto entre as nossas distâncias.
Eu te amo quando aplaudo os teus desejos de voar.
Eu te amo quando me convenço de que o ciúme é o câncer do amor.
Eu te amo quando te ajudo a ser mais livre do que eras quando eu te conheci.
Eu te amo quando a recíproca a tudo isso também é verdadeira.

Todo dia eu faço uma nova declaração de amor. Mas desta eu nunca esqueço.

Um comentário:

edsonrimet@hotmail.com disse...

Esse ano, no dia dos namorados, entreguei um vaso de orquidea a minha noiva; como estávamos um pouco brigados enviei-lhe antes uma mensagem com essas frases afim de abrir-lhe o coração. Se soubesse que eram de sua autoria ao menos teria colocado o vosso sobrenome. Abraço Edson (Almeida)